English | Português

Login de Utilizador

Esqueceu a senha?

JUE registou a 18 de Setembro seu 1o ano de implementação e desperta curiosidade na região da SADC

JUE registou a 18 de Setembro seu 1o ano de implementação e desperta curiosidade na região da SADC

20 setembro 2012

Passam 12 meses após a Comunidade de comércio Internacional no País, ter começado a beneficiar das novas tecnologias de desembaraço aduaneiro com vista a facilitação de comércio. De referir que Moçambique constitui o primeiro país na região austral a adoptar o sistema de Janela Única Electrónica e já despertou atenção da maioria dos países membros da SADC por se mostrar uma ferramenta válida e eficiente para troca de informação entre os países cujas mercadorias cruzam fronteiras entre si.
     IMG_3017small.jpg
IMG_0651small.jpg     
Muito recentemente as Alfândegas receberam seus homólogos da Tanzânia, RDC, Malawi e esta semana coube a vez a Alfândegas da Namíbia que se deslocou a Moçambique com intuito de colher experiência no processo de implementação da JUE.

A operacionalização da JUE teve o seu inicio no porto de Maputo à 19 de Setembro de 2011, em fase piloto, passando a fase obrigatória à 9 de Abril do presente ano.

Esta nova ferramenta de desembaraço aduaneiro expandiu-se rapidamente para os outros portos do país, Beira e Nacala ainda em Abril e Maio, e mais recentemente, Setembro a obrigatoriedade da JUE estendeu-se para as principais fronteiras e terminais da região Sul, Centro e Norte do País.
Até a presente data cerca de 3000 utilizadores foram capacitados para o uso da JUE, sendo 1188 funcionários aduaneiros.

Através do sistema JUE já foram submetidas cerca de 22000 declarações aduaneiras.